quinta-feira, 16 de novembro de 2017

VASCO EMPATA COM O ATLÉTICO - MG EM 1 A 1.

Diante de sua torcida, no gramado de São Januário, o Vasco da Gama enfrentou o Atlético-MG, na noite desta quarta-feira (15/11). O duelo, válido pela 35ª rodada do Campeonato Brasileiro, terminou com empate entre as equipes, em 1 a 1. O gol cruzmaltino foi marcado ainda no primeiro tempo, por Andrés Ríos.O próximo compromisso do Gigante da Colina na competição nacional será diante do Atlético-PR, neste domingo (19/11), na Arena da Baixada, às 19 horas. 

image

segunda-feira, 6 de novembro de 2017

VASCO EMPATA COM O VITÓRIA NO MARACANÃ

O Vasco da Gama cumpriu seu compromisso diante do Vitória, neste domingo (05/11), no gramado do Maracanã, pela 32ª rodada do Campeonato Brasileiro. O Gigante da Colina empatou com o adversário, em 1 a 1, e teve seu gol marcado pelo zagueiro Breno. Com o empate o Vasco se manteve na 8ª posição do Brasileirão com 45 pontos. O próximo desafio do Cruzmaltino na competição nacional será diante do Santos, nesta quarta-feira (08), na Vila Belmiro, às 21h45.



sábado, 4 de novembro de 2017

VASCÃO EMPATA COM O FLA NO MARACANÃ

image

Pela 31ª rodada do Campeonato Brasileiro, o Vasco da Gama mediu forças com o Flamengo na noite deste sábado (28/10) no Estádio Maracanã. Mesmo criando boas oportunidades, incluindo um bola na trave do meio-campo Nenê, o Cruzmaltino não conseguiu deixar o gramado com os três pontos. O Clássico dos Milhões terminou empatado em 0 a 0. O resultado fez o Gigante da Colina chegar aos 44 pontos e se manter  na oitava colocação da competição nacional.

terça-feira, 24 de outubro de 2017

VASCO EMPATA COM O CORITIBA EM 1 A 1 NO MARACANÃ

image
Yago Pikachu sofre com a forte marcação de Rildo- Fotos: Paulo Fernandes/Vasco.com.br

A equipe do Vasco da Gama entrou em campo diante do Coritiba, na tarde deste sábado (21/10), no Maracanã. Em partida válida pela 30ª rodada do Campeonato Brasileiro, o Gigante da Colina empatou com o adversário pelo placar de 1 a 1. O Cruzmaltino retorna ao gramado no próximo sábado (28), no clássico diante do Flamengo. A partida será realizada no mesmo local, às 19 horas, com mando do adversário. 

O JOGO

Atuando diante de sua torcida, foi do Vasco a iniciativa na partida. Logo aos dois minutos, Wellington apareceu no campo de ataque e tentou lançamento rasteiro para Pikachu dentro da área, mas a bola saiu pela linha de fundo. Mais tarde, aos sete, o volante vascaíno voltou a participar de um lance de perigo para o adversário, acionando Mateus Vital. O camisa 10 tentou o chute, mas a bola acabou bloqueada por Cleber Reis.

image
Wellington em ação contra o Coritiba no Maracanã

Era do Cruzmaltino o domínio da partida, quando aos nove o Coritiba tentou responder. Longuine avançou pela esquerda e fez a tentativa do passe para Henrique, mas a bola não assustou o goleiro Martín Silva, que efetuou a defesa de forma tranquila. Quem não tinha sossego era a defesa visitante. Aos dez, Nenê acionou Mateus Vital, que bateu cruzado pela esquerda da área. Pikachu chegou na dividida, mas a redonda acabou rolando pela linha de fundo.

As chegadas do Gigante da Colina eram constantes. Com o domínio da partida, não demorou para que os vascaínos pudessem comemorar no Maracanã. Aos 15 minutos, Nenê cobrou escanteio fechado e Matheus Galdezani, contra, completou de cabeça para o fundo da rede: VASCO 1 x 0. A pressão não parou por aí, aos 27, Madson subiu para o ataque e foi acionado por Nenê. O lateral-direito cruzou, mas a defesa do Coritiba apareceu para afastar o perigo da meta de Wilson. 

image
Jogadores vascaínos comemoram gol marcado na etapa inicial

Diante de uma boa atuação defensiva dos donos da casa, o Coxa também esbarrava na falta de efetividade, não oferecendo muitos riscos ao gol de Martín Silva. Enquanto isso, o Gigante da Colina buscava ampliar a vantagem no placar. Ainda no último minuto da primeira etapa, Nenê chegou pela direita e cruzou mandando a bola na área, mas a zaga adversária efetuou o corte.

Na volta para a segunda etapa do duelo, a postura do Vasco foi mantida. Logo aos cinco minutos, Pikachu chutou rasteiro para a área e a bola sobrou para Wellington. O volante ficou frente a frente com o goleiro do Coritiba, que acabou evitando o segundo gol Cruzmaltino no Maracanã. Mais tarde, aos 16, Mateus Vital recebeu pelo meio, girou e chutou forte com o pé direito. O goleiro do Coxa espalmou e a bola saiu por cima do gol. 

Aos 21, o Coritiba igualou o placar. Rildo saiu da marcação e finalizou de canhota, a redonda desviou e entrou: Coritiba 1 x 1. Mais adiante, quando o cronômetro marcava 29 minutos, a defesa do Coxa cortou arremesso lateral e a bola ficou nos pés de Jean. O volante finalizou de fora da área, mas Wilson efetuou a defesa. Na sequência, Nenê recebeu na área e protegeu pelo lado esquerdo, mas Jonas apareceu para dar o bote.

image
Nenê é marcado de perto por defensores do Coxa- Fotos: Paulo Fernandes/Vasco.com.br

FICHA TÉCNICA:
VASCO DA GAMA 1 X 1 CORITIBA
Campeonato Brasileiro- 30ª Rodada

Data/Horário: ?21/10/2017, 17h?
Local: Maracanã, Rio de Janeiro
Árbitro: Raphael Claus (SP/FIFA)
Auxiliares: Alex Ang Ribeiro (SP/CBF) e Tatiane Sacilotti dos Santos Camargo (SP/FIFA)
Cartões amarelos: Matheus Galdezani (Coritiba), Mateus Vital (Vasco), Léo (Coritiba)
Cartão Vermelho: Breno (Vasco)
Gols: Matheus Galdezani, contra (15'/1T- Vasco), Rildo (21’/2T - Coritiba)

VASCO: Martín Silva, Madson, Breno, Anderson Martins e Ramon; Jean, Wellington, Yago Pikachu (Guilherme Costa), Mateus Vital (Paulo Vitor) e Nenê; Andrés Ríos (Thalles). Treinador: Zé Ricardo.

CORITIBA: Wilson, Léo, Werley, Cléber Reise Thiago Carleto; Jonas, Alan Santos, Matheus Galdezani e Rafael Longuine; Rildo (Edinho) e Henrique Almeida. Treinador: Marcelo Oliveira.

segunda-feira, 16 de outubro de 2017

VASCÃO VENCE O BOTAFOGO POR 1 A 0 NO MARACANÃ

image
Nenê chuta com categoria para marcar o gol da vitória- Fotos: Paulo Fernandes/Vasco.com.br

O reencontro do Vasco da Gama com a sua torcida, no Rio de Janeiro, foi marcado por festa vascaína no Maracanã. Na noite deste sábado (14/10), o Gigante da Colina levou a melhor diante do Botafogo, pelo placar de 1 a 0, e garantiu a comemoração dos torcedores que compareceram ao clássico carioca, válido pela 28ª rodada do Campeonato Brasileiro. O gol da equipe de São Januário foi marcado por Nenê, no decorrer do segundo tempo.

O próximo passo na competição nacional será diante do Atlético Goianiense, na próxima quarta-feira (18), às 19h30, na casa do adversário. O resultado positivo levou o Cruzmaltino a oitava posição, somando 39 pontos.

O JOGO

No gramado do Maracanã, ao lado de sua torcida, o Vasco teve a primeira boa chance logo no primeiro minuto de bola rolando. O atacante Thalles sofreu falta, perto da entrada da área, e Nenê bateu com perigo, mas o zagueiro Igor Rabello subiu para afastar o perigo. Aos três, após uma boa subida de Ramon pela esquerda, o Cruzmaltino assustou o adversário com mais uma bola da área, mas Gatito Fernández saiu para fazer a defesa.

image
Wellington acertou a trave do Botafogo no primeiro tempo

Aos 10 minutos de jogo, o Botafogo chegou pela direita. Arnaldo cruzou mas o goleiro Martín Silva saiu com tranquilidade para ficar com a bola. Logo na sequência, foi do Vasco a primeira chance clara de abrir o placar. Wellington recebeu no meio e mandou um belo chute de fora da área, a bola tirou tinta da trave do Alvinegro e saiu pela linha de fundo.

Quando o cronômetro marcava 13 minutos, o Vasco voltou a levar perigo para a área do adversário. Após um cruzamento pela direita, Mateus Vital arrematou forte, mas Joel Carli apareceu no caminho e a redonda foi desviada pelo defensor. Aos 28, foi a vez do Botafogo criar oportunidade. Bruno Silva puxou contra-ataque e acionou Arnaldo, que cruzou para Marcos Vinícius bater de primeira e parar em boa defesa do goleiro de São Januário.

image
Thalles voltou a ser titular no clássico contra o Botafogo

Antes do árbitro apitar o fim da primeira etapa de jogo, o Gigante da Colina ainda chegou com Ramon, pela esquerda. O vascaíno cruzou para Thalles, que tentou cabecear mas acabou atrapalhado pelo goleiro alvinegro.

Na volta para o segundo tempo, o Gigante da Colina levantou a torcida no Maracanã, aos 7 minutos, em uma boa chegada. Mateus Vital deu um belo passe para Nenê, que bateu forte e viu a bola explodir do lado de fora da rede. Mais tarde, aos 10, Victor Luiz aproveitou uma subida alvinegra para finalizar de fora da área, mas acabou mandando a bola pela linha de fundo.

Aos 20, o Vasco teve uma boa oportunidade em uma falta batida por Nenê. O zagueiro Anderson Martins subiu para cabecear, mas a bola acabou saindo por cima do gol. Na sequência, aos 28, o Cruzmaltino foi efetivo para garantir a vantagem na partida. Nenê recebeu na intermediária, ganhou na dividida com Igor Rabello e bateu. A bola desviou em Carli e foi parar no fundo da rede: VASCO 1 x0. Nos minutos finais, o placar quase foi ampliado com cruzamento de Madson e Caio Monteiro de cabeça.

image
Paulo Vitor infernizou a defesa botafoguense na etapa final- Fotos: Paulo Fernandes/Vasco.com.br
FICHA TÉCNICA:
VASCO DA GAMA 1 x 0 BOTAFOGO
Campeonato Brasileiro- 28ª Rodada

Data/Horário: 14/10/2017, 19h00
Local: Maracanã, Rio de Janeiro
Árbitro: Vinicius Gonçalves Dias Araujo - SP (CBF)
Auxiliares: Rogério Zanardo - SP (CBF) e Herman Vani - SP (CBF)
Cartões amarelos: Marcos Vinícius e Bruno Silva (Botafogo) / Yago Pikachu, Caio Monteiro, Paulo Vitor e Nenê (Vasco)
Gols: Nenê (23’/2T - Vasco)

VASCO: Martín Silva, Madson, Paulão, Anderson Martins e Ramon; Jean, Wellington, Wagner (Yago Pikachu), Mateus Vital (Paulo Vitor) e Nenê; Thalles (Caio Monteiro). Treinador: Zé Ricardo.

BOTAFOGO: Gatito Fernández, Arnaldo, Carli, Igor Rabello e Victor Luis; Rodrigo Lindoso, Bruno Silva, João Paulo e Marcos Vinícius; Rodrigo Pimpão (Guilherme) e Brenner. Treinador: Jair Ventura.

sexta-feira, 13 de outubro de 2017

VASCO VENCE O AVAÍ DENTRO DA RESSACADA E MOSTRA SUA FORÇA FORA DE CASA.

O Vasco da Gama cumpriu a sua missão fora de casa, diante do Avaí, e garantiu três importantes pontos no Campeonato Brasileiro. O Gigante da Colina superou o adversário pelo placar de 2 a 1, nesta quarta-feira (11/10), na Ressacada. Os gols do Cruzmaltino foram marcados por Wagner e Andrés Ríos, ambos no primeiro tempo de jogo.

O reencontro do Vasco com a sua torcida, no Rio de Janeiro, já está marcado. A equipe de Zé Ricardo enfrenta o Botafogo neste sábado, às 19 horas, no Maracanã. Os ingressos para a partida já estão sendo comercializados.

O JOGO
image
Wagner finalizou bonito e balançou a rede para o Vasco - Foto: Carlos Gregório Júnior/Vasco.com.br

Atuando longe de seus domínios, o Vasco não precisou de muito tempo para abrir o marcador do placar na Ressacada. Aos 3 minutos do primeiro tempo, Mateus Vital tentou a finalização e foi bloqueado pela defesa adversária. A bola sobrou nos pés de Wagner, que mandou um belo chute no ângulo do goleiro Douglas: VASCO 1 x 0. Na sequência, os donos da casa chegaram com Joel, que recebeu um cruzamento da esquerda e cabeceou perto da trave de Martín Silva.

Mais tarde, quando o cronômetro marcava 23 minutos, o Gigante da Colina ampliou a vantagem no duelo. Nenê subiu pela direita e cruzou. Wellington estava no lance e disputou a bola com Fagner Alemão, a redonda sobrou para Rios na área e o argentino bateu rasteiro no canto: VASCO 2 x 0. O Avaí respondeu em seguida, com lançamento pela direita para Júnior Dutra desviar de cabeça e encontrar Joel bem posicionado. O adversário finalizou mas Martín Silva saiu para efetuar a defesa.
image
Andrés Ríos comemora ao lado de Wellington e Nenê - Foto: Carlos Gregório Júnior/Vasco.com.br

Na volta para a segunda etapa de jogo, o Avaí tentou pressionar durante os minutos iniciais. Aos dois, Leandro Silva chutou forte de fora da área e o camisa 1 vascaíno saiu bem para efetuar a defesa. O Vasco não demorou a responder e, logo na sequência, Wellington também arriscou uma batida de longe, mas o goleiro adversário apareceu para afastar o perigo. Quando o cronômetro marcava 14 minutos, o atleta cruzmaltino Andrés Ríos recebeu o segundo cartão amarelo e acabou sendo expulso.

Logo na sequência, após cobrança de falta, Fagner Alemão, que estava com o ombro à frente, em posição irregular, desviou na área e Betão concluiu: Avaí 1 x 2. O Vasco avançou com Pikachu, que cortou para o meio e encontrou Nenê. O vascaíno bateu de canhota mas o goleiro adversário apareceu para afastar o perigo. Aos 40 minutos, depois de rebatida, Luan Pereira limpou a jogada e concluiu para a defesa do camisa 1 vascaíno. No contra-ataque, Nenê recebeu na frente e ganhou da marcação. Ele invadiu a área e chuta para defesa de Douglas.
FICHA TÉCNICA:
AVAÍ 1 x 2 VASCO DA GAMA
Campeonato Brasileiro- 27ª Rodada

Data/Horário: 30/09/2017, 16h00
Local: Ressacada, Florianópolis (SC)
Árbitro: Wagner Reway - MT (FIFA)
Auxiliares: Eduardo Goncalves da Cruz - MS (CBF) e Fabio Rodrigo Rubinho - MT (CBF)
Cartões amarelos: Wagner e Madson (Vasco da Gama); Lourenço, Marquinhos e Júnior Dutra (Avaí)
Cartão Vermelho: Andrés Ríos (Vasco da Gama)
Gols: Wagner, 03/1T e Andrés Ríos, 23/1T (Vasco da Gama); Betão, 16/2T (Avaí).

AVAÍ: Douglas, Leandro Silva, Fagner Alemão, Betão e Capa; Judson (Lourenço), Wellington Simião (Marquinhos), Luan Pereira e Pedro Castro; Joel (Romulo) e Júnior Dutra. Treinador: Claudinei Oliveira.

VASCO: Martín Silva, Madson, Paulão, Anderson Martins e Ramon; Jean, Wellington, Wagner (Pikachu), Mateus Vital (Paulo Vitor) e Nenê (Rafael Marques); Andrés Ríos. Treinador: Zé Ricardo.